Arquivo do mês: agosto 2013

Três Hábitos Vencedores que Constroem um Corretor de Sucesso

Por Guilherme Machado

Por que alguns corretores conseguem alcançar o sucesso e outros Sucessonão? Será que um dia eu farei parte do grupo dos vencedores? Estas são perguntas que, insistentemente, permeiam o pensamento de muitos profissionais e para as quais nem sempre há uma reposta pronta.

E tão ruim quanto não ter a resposta é acreditar que o sucesso é impossível ou privilégio de poucos. Todavia, é preciso compreender que não nascemos marcados para ganhar ou perder. O sucesso, portanto, é uma consequência do desenvolvimento de hábitos vencedores. Sempre acreditei nisso e planejei as minhas ações com base nesta premissa.

Muitos corretores, porém, optam por se alimentar apenas de sonho: o sonho de ganhar dinheiro, de vender muito, de ser um vencedor. E contraditoriamente, por meio de suas práticas, transformam este sonho em um  eterno “não irei chegar lá”. Sabe por quê? Seus hábitos não são de vencedores.

Então, antes de conhecer os três hábitos vencedores que constroem um corretor de sucesso, quero que saibam que estes hábitos mudaram a minha vida e de muitos outros profissionais de sucesso, trazendo transformações de grandes proporções. Você está preparado para uma revolução?

1. Exerça a autodisciplina

A autodisciplina é a garantia de que você começará algo e terminará dentro do que foi planejado. Esta capacidade de comprometer-se com as ações previamente delimitadas e empenhar-se em executá-las com excelência transformam corretores medianos em corretores de sucesso.Os corretores vencedores estão dispostos a assumir posturas que os diferenciam da multidão, portanto não há magia ou chave mágica que abrirá as portas para o sucesso. Eles escolhem exercer a autodisciplina com maestria, aprimorando a sua capacidade de agir e pensar de forma planejada e estratégica.

2. Seja persistente Ser corretor não é fácil, requer uma persistência sobrenatural. E o sentido de sobrenatural aqui nada tem a ver com coisas do outro mundo, mas com a capacidade de superar-se  repetidamente. Os desafios são muitos, mas as vitórias são diretamente proporcionais. Assim, persista em seus objetivos, transforme sonhos em realizações por intermédio de suas atitudes. A persistência é o segredo de quem busca um diferencial. Dessa forma, você será arrebatado pelo sucesso. Este hábito é muito forte e é encontrado nos corretores campeões.

3. Cuidado com a vaidade

A vaidade nos afasta da reflexão. Quando julgamos que somos bons o suficiente e não precisamos mais surpreender ou aprimorar as nossas práticas, estamos permitindo que a vaidade reine sobre nosso comportamento.

E o problema está na invisibilidade, pois às vezes usamos a vaidade sem medidas e nos cegamos ao ponto de corrompermos as nossas relações, desrespeitando a opinião e a história de vida do outro. Com isso, acabamos querendo nos impor pelo confronto e sobreposição das nossas crenças. E é aí que a vaidade assume a forma mais danosa. Não podemos nos ludibriar e acharmos que somos protótipos de super-homem ou mulher-maravilha ao ponto de sermos insubstituíveis.  Não se engane, pois o mercado está cheio de corretores que querem ser profissionais campeões e realizam ações que colaboram para o alcance deste objetivo.Portanto, nós, que estamos nesta corrida pelo sucesso, devemos entender que hábitos simples transformam as nossas práticas. Corretores de sucesso são aqueles que entenderam,  ressignificaram e praticaram esses três hábitos de acordo com o seu projeto de vida e sua realidade de mercado e, com isso, perceberam  o poder invisível por trás de cada um desses hábitos, convertendo-os em poderosos aliados.

Vá! A sua transformação começa agora, experimente.

“Guilherme Machado” CORRETOR DE IMÓVEIS, CONSULTOR, COACH E PALESTRANTE. Provocar novos comportamentos no mercado imobiliário é nosso objetivo. De corretor para corretor, contribuímos para o desenvolvimento do setor com diversas publicações, palestras, podcast e Intelicast., Estrategista. Executa trabalhos de desenvolvimento de equipes de alta performance. Iniciou à profissão como corretor de imóveis, conquistando posições como gerente comercial, diretor executivo até a participação societária de uma das maiores imobiliárias do Espírito Santo. Expertise no desenvolvimento de equipes comerciais com foco em resultado adquirida em sua intensa vivência ao longo de 15 anos no mercado imobiliário.

Fonte: http://www.guilhermemachado.com

Anúncios

Corretor de Imóveis Multimídia

MultimidiaO corretor de imóveis de hoje com olhos no futuro tem que necessariamente circular amigavelmente nas novas tecnologias, aquele papo de que não gosto de computador ou de celular, te exclui rapidamente de qualquer processo.

Com o mundo globalizado e tecnologias a sua disposição a um apertar de botão, seu cliente acessa seu ambiente virtual e fecha negócios a distância, a possibilidade de que ele esteja do outro lado do mundo e real e acontece na velocidade da luz, seu negócio deixou de ser local para atender a necessidades de clientes que vislumbram bons negócios a distância.  Seu produto tem que estar exposto de forma adequada, pois isso lhe garantirá acessos a negócios nunca antes imaginados.

Telefones celulares, Notebooks, Sites, portais de nada adiantam se a linguagem, exposição e técnicas de apresentação não forem adequadas.

Falar em público, enviar e-mails, receber e-mails e responder rapidamente dando respostas as demandas de seus clientes são hoje condição e não mais espelho de uma organização moderna

Suas necessidades aumentaram muito, seu conhecimento possivelmente seja pouco para atender as necessidades dos seus clientes e do mercado. Portanto correr atrás do prejuízo e se atualizar esta na ordem do dia.

Por Clovis Ribeiro – Infodocorretor


Balneário Camboriú é a 4ª no ranking nacional do desenvolvimento humano

Município foi qualificado como a quarta cidade brasileira em IDHM BC

O Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013, que foi divulgado nesta segunda-feira (29) pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em parceria com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e com a Fundação João Pinheiro, traz uma ótima notícia para Balneário Camboriú. O município foi qualificado como a quarta cidade brasileira em Índice de Desenvolvimento Humano Municipal – IDHM – de acordo com índices pautados na educação, demografia, saúde, renda, trabalho, habitação e vulnerabilidade social, entre outros 180 itens, em pesquisas realizadas pelos Censos de 1991, 2000 e 2010.

O município obteve o índice de 0,845, o mesmo que a cidade de Vitória, no Espírito Santo, e atrás apenas das cidades paulistas de São Caetano do Sul (0,862) e Águas de São Pedro (0,854) e ainda a capital de Santa Catarina, Florianópolis, que ficou em terceiro com o IDHM de 0,847.

O IDHM obtido por Balneário Camboriú é considerado ”muito alto” e em relação aos outros 5.565 municípios brasileiros. De acordo como o Atlas, entre os anos de 2000 e 2010, a taxa de crescimento médio anual foi de 6,28%, sendo que o crescimento médio das demais cidades do estado ficou em 1,02% e no país, em 1,01%. A expectativa média de vida no município passou de 70,1 em 1991 para 78,6 anos em 2010, e a renda média do trabalhador de R$ 791,69 para R$ 1.625,59. O índice de pobreza caiu substancialmente, passando de 9,78% e passou para 0,95%.

A taxa de dependência por idade também se mostrou relevante. Em 2000, a cidade apresentava 43,48% de população dependente por consequência da idade, percentual que em 2010 se apresentou em 34,68%. Já o índice de envelhecimento evoluiu de 4,61% para 5,67%, o que remete para uma maior população com mais de 65 anos, porém mais saudável e ativa, em relação há 10 anos.

Para o prefeito Edson Renato Dias (Piriquito), além de ser uma ótima notícia, o novo IDHM de Balneário Camboriú aponta para uma cidade mais saudável, dinâmica, com melhor renda e educação. ”É uma grande redução de diferenças, que nos faz acreditar que nossa cidade se mostra um lugar cada vez melhor para se viver, com respeito aos cidadãos que por aqui passam , trabalham e vivem. É realmente uma notícia para se comemorar, mas não para nos deixar acomodados”, destaca.

Fonte: Clickcamboriú

http://www.clickcamboriu.com.br/geral/2013/07/balneario-camboriu-e-a-4a-no-ranking-nacional-do-desenvolvimento-humano-97122.html